Skip to content

Ponto(s) de partida

Este blogue situa-se como um lugar para o debate intelectual. Também para o ensaio dumha crítica cultural distanciada da recensom descritiva e do texto para-publicitário, atenta à diferença contra-hegemónica e descomplexada dos seus pontos de partida e dos seus objectivos (redefiníveis por cada participante no projecto).

Quantas letras para um rio quer representar umha plataforma alternativa ao discurso crítico dominante na Galiza, no caso de este existir. Pretende, assim, oferecer ideias, marcar posiçons e fixar o olhar nos produtos, eventos e possibilidades mais escurecidos do nosso espaço cultural.

Porque hai legitimidade (e poder) na resistência. Face a épica, a história. Contra a normalizaçom.

No comments yet

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: